O que você procura?

.

ANÚNCIOS:

Uma bússola no espaço, aponta para onde?

Sabemos que uma bússola sempre aponta para o norte magnético da terra.
Mas imagine uma bússola no espaço... apontaria pra onde?


A bússola é um instrumento de navegação e orientação baseado em propriedades magnéticas dos materiais ferromagnéticos e do campo magnético terrestre.

A palavra bússola vem do italiano bussola, que significa “pequena caixa” de madeira de buxo.

Mas e no espaço, como ela funciona ou funcionaria?

Depende!

A princípio, ela fica literalmente desnorteada.

Se a bússola estiver em uma nave espacial, por exemplo, será afetada pelo campo magnético gerado pelos fios da própria espaçonave.
Afinal, uma bússola nada mais é que um detector desse tipo de campo.
Caso o instrumento fique livre no espaço, longe de qualquer astro, não encontrará um campo magnético para onde apontar.
É que, no vácuo próximo da Terra, o único elemento com alguma força magnética é o vento solar - o jato de partículas ejetado continuamente pelo Sol.

Uma bússola convencional, porém, não notaria sua existência, já que ele produz um campo 5 000 vezes mais fraco que o do nosso planeta.

Se ela se aproximar de algum corpo com campo magnético forte, como o próprio Sol, apontará para ele.
Já se ela estiver perto do astro, mas junto de uma das chamadas manchas solares (regiões escuras e pequenas, mas com um campo magnético fortíssimo), sua agulha será atraída por ela.

Resumindo: o equipamento só serve como guia se estiver na Terra ou bem próximo dela.

Nesse último caso, ele apontaria sempre para o Canadá - onde fica o Pólo Norte magnético, a centenas de quilômetros do Pólo Norte geográfico.

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Agradecemos por seu comentário.
Depois de analisado e revisto ele será publicado.
Um grande e sincero Sorriso :-)



 site seguro sorriso na web